Adeptus Minor Dragon | Visions in My Head

segunda-feira, 5 de setembro de 2016

Adeptus Minor Dragon



É fundamental analisar a medida de conhecimento que se tem e quais são mais relevantes, de nada serve as coisas inúteis e a desinformação a qual somos submetidos todos os dias pela mídia. Essas desinformações mascaradas por mentiras e manipulações não nos ajudarão em nosso cominho para a contemplação da verdade. Sabemos que o conhecimento é algo digno de muita luta. Uma pessoa sensata parte em busca do saber como se estivesse encarando uma guerra ele leva consigo o medo , a destreza, o reconhecimento e sempre está atento. Ele sabe que é um erro e que não deveria escolher isso, mas mantém o foco.
Devemos buscar nossa felicidade em todas as coisas, devemos aprender a olhar cada coisa que passa em nossas vidas como fundamentais para o nosso sucesso. Não devemos estabelecer comparações muito menos indagar as diferenças, somos todos iguais e apenas um só. Algumas pessoas por capricho ou até mesmo egoísmo conseguem acreditar que podem viver em dois mundos, pobres tolos, não conseguem enxergar que o mundo é apenas um, uma única energia mental e um lugar único. Infelizmente apenas pessoas desequilibradas buscariam por sua própria vontade empreender em uma jornada em busca do conhecimento. Eles não entendem que as pessoas são escolhidas e direcionadas as vezes até contra sua própria vontade.
Geralmente não busco ver ou ter o entendimento para algumas coisas pois elas me parecem as mesmas o tempo todo, apenas em alguns casos elas sobrem mutações, isso acontece quando sinto a minha energia draconica fluindo por meu corpo, mas enfatizo isso não acontece sempre. Recentemente essa energia ficou adormecida, eu queria entender o porque, mas também não busquei ver os motivos concretos para isso, até que o resurgimento de algumas lembranças outrora deletadas de minha vida resolveu tomar forma e me mostrar a sua existência.
Em uma noite de muitos devaneios eu busquei olhar as duas correntes de conhecimento que me cercam, a energia que envolver o mundo e mundo sobe influencia da energia. Um ponto vermelho me chamou atenção, a minha mente afirmava o tempo todo que ele estaria ali naquele ponto luminoso e vermelho. Eu chamei pelo seu nome e nada aconteceu... Tristeza é o que sinto por não ter conseguido naquele momento fazer contato com o meu Guia Draconico. Um turbilhão de hipóteses passava por minha mente, até a possibilidade dele ter me abandonado.
De forma subliminar eu estava cada vez mais angustiado, ensaiava lagrimas em meus olhos e o vazio parecia tomar conta de meu mundo. Você está com medo? Me perguntou o Dragão que surgia subitamente na escuridão de meus pensamentos . Naquele momento o meu mundo até então escuro e frio foi preenchido até o topo devido a imensa alegria de sentir o seu cheiro inebriante de enxofre e pedras pomes . Eu respondi muito empolgado. Eu estava me julgando por não consegui ouvir mais os seus conselhos e também por não sentir a sua presença. Ele pestanejou e continuou com o sermão:
Não se julgue e nem busque por entendimentos embaralhados, sobre as coisas, a qual não conseguirá ter um domínio místico, a razão é simples nem eu, nem você suportamos tanto tempo juntos e esperamos o momento certo para esse encontro.
Pensei comigo mesmo naquele momento e cai na real que seria uma perda de tempo tentar entender o mistério naquelas palavras, eu só queria aproveitar o Maximo possível aquele momento, ele estava completamente correto, os meus medos são ilusões e incompreensíveis, não valeria me desgastar ou perder meu tempo buscando uma explicação sobre aquele assunto. Embora eu estivesse muito curioso sobre ele, algo me incomodava inclusive no mundo a minha volta. Então o indaguei:
O que você está acontecendo no mundo e no universo agora? Porque tudo está em completa desordem?
Rugindo e com muito furor ele rebate, você está no caminho errado para questionar isso assim de forma tão direta a mim, a sua preocupação com sua integridade e sua auto-proteção estão lhe tornando fraco e incapaz de discernir os caminhos corretos para canalizar o dialogo comigo seu verme desprezível, você perdeu o equilíbrio entre o terror e a paz o mundo em sua volta não se alterou ele continua igual, você que alterou a forma como enxerga as coisas, essa dificuldade que você tanto tem em compreender o mundo é porque você foi seduzido a mudar a sua forma de vê-lo pelo próprio ambiente. De forma lenta e muito paciente, depois de um grande sermão, ele reajustou os meu pensamentos e estabeleceu uma nova estrutura de ideias. Eu aceitei tudo devido a confiança que sinto nele e por tudo o que ele me fez enxergar durante todos esses milênios de vida. Agora era hora de colocar as coisas nos devidos lugares e retornar ao ponto futuro de meus pensamentos. O verdadeiro poder que tenho é capacidade de notar energia que brota dentro dos corpos em minha volta a energia e a matéria são uma unidade singular viajando a milhares de quilômetros pelo universo em um asteroide chamado terra. E aprendi durante essa viajem que o mundo é feito de escolhas e quando o mundo nos desafia ou impõem sobe nossas escolhas, deixamos de ter energia e poder para mover todo o universo

0 comentários:

Open Panel